Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

banner_SEMARH_consulta_publica.png

« Novembro 2019 »
Novembro
SeTeQuQuSeSaDo
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930
Tag Cloud

WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck requires Flash Player 9 or better.

 
» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2019 OUTUBRO Trabalhadores rurais têm acesso a oficinas de educação profissional e de alfabetização
09/10/2019 - 10h37m

Trabalhadores rurais têm acesso a oficinas de educação profissional e de alfabetização

Ação do Programa Amigo Trabalhador atende desempregado na entressafra da cana de açúcar

Trabalhadores rurais têm acesso a oficinas de educação profissional e de alfabetização

Trabalhadore rurais participando das aulas de educação profissional

Thallysson Lopes

Em virtude da entressafra do cultivo da cana de açúcar em Alagoas, os trabalhadores rurais desempregados que se encontrarem em situação de pobreza, serão atendidos pelo Programa Amigo Trabalhador. Além de uma bolsa no valor de R$ 520,00, eles tem acesso aos cursos básicos de educação profissional e de alfabetização.

As oficinas de capacitação e educação básica serão planejadas e acompanhadas pela Secretaria de Estado do Trabalho e Emprego. O órgão foi autorizado a executar os cursos pelo comitê gestor do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza – Fecoep.

As ações vão contemplar aproximadamente 2 mil trabalhadores rurais da cana de açúcar em 16 municípios divididos em quatro pólos: Norte, Vale do Mundaú, Litoral Sul e Vale do Paraíba.

Para participar das atividades educacionais e receber os recursos, os interessados foram até o Sindicato de Trabalhadores Rurais que atende a região e preencheram um cadastro, comprovando que trabalharam no corte da cana.

O secretário do Trabalho Arthur Albuquerque compreende as medidas como atenuantes frente aos efeitos do desemprego sazonal decorrente das entressafras do cultivo da cana de açúcar, mas explicou que há um planejamento para o próximo ano bem mais abrangente.

“A idéia é criar um projeto de qualificação mais amplo em algumas áreas, inclusive empreendedorismo. O propósito é que o trabalhador rural ganhe condições de geração de renda diferentes do plantio de cana”, afirmou.

Arthur  ressaltou que  é necessário avançar nas oportunidades de emprego dos trabalhadores rurais, por isso, vamos elaborar um projeto para que eles possam desenvolver habilidades que propiciem a inserção em outros mercados de trabalho”, declarou.

Ações do documento
banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg

banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg
null

Portal da Transparência

relatorio_emprego_renda.png

Banner observatorio.jpg

procon.jpg