Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

banner_SEMARH_consulta_publica.png

« Novembro 2017 »
Novembro
SeTeQuQuSeSaDo
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930
Tag Cloud

WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck requires Flash Player 9 or better.

 
» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2017 Novembro Alagoas se destaca no NE em números de contratações de empregos formais em setembro
09/11/2017 - 12h43m

Alagoas se destaca no NE em números de contratações de empregos formais em setembro

Alagoas é o 2º estado no Nordeste com a maior contratação no mês de setembro.

Alagoas se destaca no NE em números de contratações de empregos formais em setembro

Em Alagoas, o grande impulso das contratações deve-se ao setor da Indústria de transformação

 

Alagoas é o segundo estado do Nordeste que mais contratou no mês de setembro de 2017, ficando abaixo somente de Pernambuco que obteve (13.993) posto de trabalho.  Esse saldo de movimentações em Alagoas é resultado de (13.352) contratações e (5.941) demissões no mercado de trabalho. Um resultado relevante diante do cenário de crise recessiva que vivencia o Brasil.

 

O Nordeste também apresentou nível positivo de empregabilidade.  No estado de Alagoas, o grande impulso das contratações deve-se ao setor da Indústria de transformação que contratou (7.418). Isto é reflexo do impacto da alta do cultivo de cana de açúcar no estado contribuindo de forma expressiva para este resultado positivo,  ficando na frente da região Sul (10.534) e da região Norte (5.349). As demais regiões obtiveram saldo negativo de movimentações, sendo elas: Sudeste (-8.987) e Centro-Oeste (-2.148).   

 

Os dados podem ser aferidos no relatório do Observatório do Trabalho, setor ligado a Secretaria de Estado do Trabalho e Emprego, com base nos números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – Caged, divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

 

 

“A região Nordeste apresentou uma leve recuperação no mês de Setembro de 2018. Dos nove estados, esse impulso foi provocado por seis, sendo Alagoas e Pernambuco os que mais contribuíram.” Esclareceu Ana Milani, economista e coordenadora do Observatório do Trabalho.

Ações do documento
banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg

banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

Portal da Transparência

relatorio_emprego_renda.png

Banner observatorio.jpg

procon.jpg